L
text.skipToContent text.skipToNavigation

Todo o site com frete grátis*! Nas compras acima de R$ 799,00.

*Para produtos vendidos e entregues por Etna.

Parclamento

Tudo em até 12x sem juros

Entrega

Entregamos em todo Brasil

Etna Blog

Aprenda a fazer um terrário em casa

Terrários

A cada ano que passa as pessoas olham mais para as áreas internas da casa e buscam referências para se inspirar. Uma tendência que invadiu a vida dos brasileiros este ano e se tornou febre é decorar ambientes internos com plantas. Segundo o Pinterest 100 – relatório anual sobre inspirações e tendências do site – houve um aumento de 104% na procura por plantas para decorar a casa. Mas, se você é uma pessoa que não tem muito tempo para se dedicar às espécies, uma opção é investir em terrários, eles são tendência e muito simples de serem feitos. Esses jardins em miniatura, além de serem muito charmosos não precisam de muitos cuidados sendo perfeitos para aqueles que não tem tempo de cuidar de um jardim convencional. Se você gostou da ideia, mas não sabe por onde começar, a Etna te ensinará a fazer um terrário em casa.

Escolha um recipiente de vidro

Tipos de Terrários

A escolha de um recipiente adequado é um bom começo para fazer um terrário. O recipiente deve ser de vidro e profundo o suficiente para as raízes das plantas terem espaço para se desenvolverem. O ideal é sempre pensar no reaproveitamento de materiais que você já tem em casa, mas, caso necessário, você pode comprar um novo. Para criar um terrário, você pode usar diversos recipientes de vidro, como por exemplo, um aquário, vaso de flores, sopeira, luminária, taças e até mesmo garrafas. Veja qual é a melhor opção para você e lave antes de plantar nele!

Espécies adequadas

Vaso com suculentas

Para plantar no terrário é necessário ficar atento na escolha das espécies de plantas. O ideal é investir em naquelas que são resistentes e que se adequam bem em ambientes internos. Escolha plantas com características semelhantes, para que possam crescer saudáveis juntas. Algumas das mais usadas são samambaias, musgos, suculentas, cactos, confetes e marantas. Bacana, né?

Materiais necessários

Utensilios para plantar

Além do recipiente de vidro que falamos, você precisará de alguns outros materiais para fazer o seu terrário. Eles podem ser encontrados em lojas e floriculturas, confira abaixo o que precisará:

Solo: Invista em um solo leve e de boa drenagem, de preferência por musgo esfagno.

Cascalho e pedras: São essenciais, pois, favorecem a drenagem e ajudam na composição visual.

Carvão ativado: Se o recipiente não tiver orifício para drenagem, o ideal é adicionar pedaços de carvão ativado.

Musgo: Uma ideia essencial é colocar uma cama de musgo no fundo do terrário, pois, ele age como uma esponja absorvendo o excesso de umidade.

Instrumentos para plantar: Luvas e um regador.

Enfeites: Você pode colocar conchas, pedras e pequenos objetos decorativos no recipiente.

Como plantar?

Plantando no terrário
  • Lave o recipiente de vidro com água e sabão. Depois enxague bem;
  • Coloque a drenagem, misture o cascalho, as pedras e um punhado de carvão ativado, espalhe pelo fundo do recipiente, deixando uma camada de cerca de 2,5 centímetros de altura;
  • Coloque o musco, isso evitará que a terra grude em baixo do cascalho, além de absorver o excesso de umidade;
  • Coloque a terra. Dependendo do tamanho do seu terrário e do comprimento das raízes das plantas, você irá precisar de uma camada de terra com cerca de 5 a 8 centímetros. Aperte levemente a terra para eliminar o ar. Faça os orifícios onde as plantas serão distribuídas;
  • Comece a plantar. Retire a planta do vaso anterior, sacuda as raízes para tirar o excesso de terra e, com cuidado, coloque-a no buraco previamente preparado. Repita o processo com as outras plantas;
  • Adicione os efeites do seu gosto pessoal e regue o terrário com uma pequena quantidade de água. Isso já é suficiente, pois eles não precisam de água em excesso.

Cuidados essenciais

Pessoas cuidando de plantas

Tenha cuidado com a rega das plantas. Se seu terrário é aberto, regue-o de vez em quando, duas vezes por semana já são o suficiente. Já os terrários fechados não precisam de água. Fique atento na rega das suculentas e dos cactos, eles não precisam de muita água. 1 vez por mês é o suficiente. Mantenha a saúde de suas plantas, se perceber o surgimento de alguma erva daninha, retire-a. Se notar mofo ou plantas doentes, retire-os imediatamente do terrário. Caso tenha escolhido um terrário fechado, é preciso ventilá-lo sempre quando houver a necessidade!